Fale Conosco: (61) 9.9592-3632 (WA)

EM MEIO A PANDEMIA CLEBER E CAUAN PROMOVEM AGLOMERAÇÃO E NÃO USAM MÁSCARAS EM CASAMENTO

Reprodução vídeo internet
Reprodução vídeo internet
Publicidade

No ano passado o cantor da dupla Cleber e Cauan, esteve internado com sintomas gravíssimos na UTI em hospital em Goiânia, onde vive com a família. Com complicações nos pulmões afetados com comprometimento de 60% por causa da COVID-19, protagonizaram o mais absurdo dos eventos em meio a nova fase da pandemia.
A festa de casamento teria acontecido na última sexta-feira (12) no Balneário de Camboriú em Santa Catarina, que acaba de decretar Lockdown de 09 dias por estar com 100% das unidades de tratamento intensivos ocupadas e com mais de 289 pessoas esperando por uma vaga.
Reprodução vídeo internet
Cauam que tem o irmão como secretário de saúde em Rondônia e conheceu de perto o que é o sofrimento da Covid, tem se mostrado apático em suas redes sociais, sempre com muito sarcasmo sem máscara e aglomerados em partidas de futebol.

As imagens que circularam na internet, mostram a aglomeração e todos os participantes sem o uso das máscaras, apenas os fotógrafos e uma mulher não identificada, faziam uso do utensílio de segurança contra o coronavírus.
Após esse evento a dupla sertaneja tenta explicar o acontecido, quando o Brasil tem hoje a maior média de morte de todo o tempo da pandemia e ultrapassa a média de 1.894 mortos por dia.
Reprodução vídeo internet
Cauan tem sido usado pelo Governo do Estado de Goiás em propaganda institucional, porém a atitude da dupla, vai de encontro a realidade do Estado que está em mais de 96% da ocupação. A alegação dos dois foi: “Esse contrato está fechado a mais de um ano”. Repetiram em vídeo publicado no Instagram.
Fãs da dupla se decepcionaram demais com o acontecido e promoveram um “deslike” nas redes sociais dos dois.

A Assessoria de imprensa publicou a seguinte resposta:

“A Dupla CLEBER & CAUAN vem esclarecer aos seus fãs e veículos de imprensa, que há mais de um ano foi contratada para tocar em um evento de casamento no Estado de Santa Catarina, tendo assim o compromisso legal pelo cumprimento do contrato, sendo a responsabilidade pelo evento integralmente do Contratante.

Todavia, informa que cumpriu o contrato pois o Decreto n. 1.200/2021 do Estado de Santa Catarina autorizava expressamente, no seu Art. 2º, VII, alínea “a”, eventos dessa natureza, com limitação de capacidade (25%) e de horário, sendo que todos os protocolos foram cumpridos.

O evento contou com fiscalização das autoridades competentes de forma presencial, e o mesmo foi autorizado. Ainda vale ressaltar que todos os presentes no evento realizaram o teste do COVID. Por último, a dupla sabe que errou ao contribuir para os momentos de aglomeração e pede desculpas, se solidarizando com o enfrentamento dessa pandemia que assola nosso País”.

Alê Moraes

Editor Chefe
Jornalista, Editor, Programador, Apresentador, Repórter. O compromisso com a verdade e a narrativa real dos fatos mediante apuração, fazem da profissão uma dura realidade do cotidiano.
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter

PUBLICIDADE

ÚLTIMA POSTAGEM